Em resposta à nota publicada pela coluna “Retratos da Vida”, do jornal “Extra”, na edição desta terça-feira (1º de novembro), o Grêmio Recreativo Escola de Samba Portela, através da sua assessoria de imprensa, nega que o Conselho Deliberativo da agremiação vá se reunir com o objetivo de pedir o afastamento de Falconi Souza das atividades de secretário geral da agremiação.

A reunião que acontecerá no dia 10 de novembro, convocada pelo Conselho Fiscal dentro de suas obrigações estatutárias, visa, conforme texto do edital publicado num jornal de grande circulação, normatizar as condições financeiras e fiscais dos eventos realizados na sede social da escola e de apresentações externas.

Outro ponto fundamental a ser esclarecido é que, de acordo com o estatuto social, não é atribuição do Conselho Deliberativo admitir nem destituir qualquer membro da diretoria executiva. Tal atribuição é exclusiva do presidente executivo da agremiação, Luis Carlos Magalhães, que informou não pretender fazer nenhuma alteração nos quadros da agremiação.

Por fim, o Grêmio Recreativo Escola de Samba Portela ressalta que não foi procurado em nenhum momento pelo jornal “Extra” para comentar o conteúdo da nota.

OBS: Em anexo, segue o edital de convocação para reunião do Conselho Deliberativo da Portela.

ASSESSORIA DE IMPRENSA DA PORTELA
Raphael Perucci
Enildo do Rosário

Print Friendly