Foi assinado na noite da última terça, 29 de Novembro, o decreto que institui uma nova Comissão Parlamentar de Inquérito com o objetivo de investigar possíveis irregularidades e crime de apropriação indébita previdenciária pela permanência de ausência de repasse à Previg das contribuições previdenciárias dos servidores públicos municipais, bem como possíveis irregularidades na folha de pagamento da Prefeitura Municipal.

A Comissão será formada por representantes de 3 partidos, Paulo Cesar Rito do Solidariedade, Miquéias Gomes do PMDB e Marcelo de Oliveira do PSDB. Os membros foram escolhidos pelos líderes de cada partido.  Os trabalhos da CPI devem começar no início da próxima semana quando o decreto for publicado em jornal local e devem durar até 30 dias.

dsc_9406 dsc_9418 dsc_9428 dsc_9451

Fotos e Texto: Karla Kamila G.S. Vidal

Câmara Municipal de Iguaba Grande

Assessoria de Comunicação

NO COMMENTS